Pronto! É Natal!

Pronto! É Natal!                               Face Apolinário

(I)
Natal, Capital do turismo
Deste povo Potiguar
Quem conhece nossas praias,
Pronto! Aqui quer ficar.
Quem aqui vem  e se radica
Sair daqui nunca mais,
Em qualidade de vida
É a  melhor das capitais.

(II)
Bem-vindos, à Natureza,
Com Sol de raro explendor,
E as praias de águas límpidas
Aqui o ano todo é calor.
Centenas de Hoteis e Pousadas,
Turistas do mundo inteiro
Adoram o nosso Estado
Tão abençoado,
Por ser brasileiro.

(III)
As praias de Ponta Negra,
Enaltecem nossa Nação,
O Estádio Arena das Dunas!
Enche o meu coração.
Quantos se orgulham
dos shoppings
Desta terra triunfal,
E do Morro do Careca,
O nosso Cartão Postal.

(Volta à (II)

(Apolinário Pais= (04/11/12)RN.
=Este Poema, tem Melodia
e Arranjo. Precisa-se de CANTOR.=

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.